Dia 14 de março, em todos os templos  do Ministério Mudança de Vida. Encerramento do propósito de fé dos “Meus Projetos de Conquistas para 2021” com a unção nos carros.

Apenas uma coisa

Uma coisa pedi ao Senhor e a procuro… (Salmo 27.4). 

Uma única coisa! Uma vida sem opções! O desejo de Davi ficou expresso neste Salmo como também em muitos outros! Ele buscava Deus e O reconhecia ocupando o centro da vida dele (Folha Vida Hoje Edição 246) declarando total confiança na Companhia do Senhor – seu maior desejo – a despeito de tudo: Uma coisa pedi ao Senhor e a procuro…  Davi não ficou no pedido somente. Afirmou: … É o que eu busco para minha vida. A única coisa que peço ao Senhor, o meu maior desejo é estar com Ele na sua casa, contemplar Sua bondade, beleza e receber sempre Suas orientações (Salmo 27.4). Todos nós somos chamados a viver uma vida sem opções, a termos um único foco com Jesus no centro determinando o nosso modo de viver.

Dentre tantas coisas que se poderia desejar, o coração de Davi anelava, isto é, tinha um desejo ardente em ter o Senhor e relacionar-se com Ele. Ainda no Salmo 27 encontramos Davi confiante na certeza que triunfaria sobre os inimigos e que tudo poderia falhar, mas Deus não falharia! Os pais poderiam abandonar, mas Deus… jamais! Quando ele parou para ouvir seu coração, ouviu que era para buscar o Senhor e a resposta foi: Eu o buscarei. A teu respeito diz meu coração: Busque a minha face! A tua face, Senhor, buscarei (Salmo 27.8). Isso é ter visão! Quem tem uma visão tem uma única coisa no coração e a persegue. Sabemos que o que dormimos e acordamos pensando é a nossa visão de vida. Quem tem uma visão sabe o caminho, portanto sabe para onde está indo. Nós sabemos que quando não se sabe para onde ir é porque falta visão e qualquer lugar serve. Se tudo importar é porque nada realmente significa. A visão nos identifica, e sempre será testada se  é real ou não; ela dita tudo!

O que falamos revela nosso coração, com quem andamos, onde usamos o nosso tempo, a visão de vida que temos, e o que sai de nós quando somos pressionados indica quem realmente somos. O nosso coração é o nosso verdadeiro eu.

Jesus nos ensina que busquemos a Deus em primeiro lugar e as coisas que necessitamos chegarão.

Davi foi o homem segundo o coração do Senhor e ninguém mais foi apontado assim por Deus, portanto é inteligente buscar saber tudo sobre esse homem que foi tirado do pasto e elevado ao posto mais alto! O Senhor deu a ele uma casa firme e nada mais nada menos que Jesus ser seu descendente.

O que encontramos em Davi é alguém com a capacidade de obedecer a Deus e não cometer pecados do coração; isso é claro, porque não o encontramos repetindo erros, pois não os deixava enraizar; o que estava bem fundamentado e enraizado nele era um amor, um desejo profundo de agradar a Deus, obedecendo-O. O teu amor é melhor do que a vida! Por isso os meus lábios te exaltarão! (Salmo 63.3). 

Folha Vida Hoje Edição 246 –

A mensagem é pregada, os corações são confortados com a certeza da salvação. Os asilos, orfanatos, grupos e pessoas que habitam temporariamente nas ruas, presídios, hospitais, comunidades carentes…

Há uma autoajuda quando ajudamos alguém, porque, verdadeiramente, ao ajudar somos ajudados. Entendemos assim, pois, tudo que doamos nos é dado de forma multiplicada por Deus.

Enquanto gastam seu tempo criticando, eu aproveito curando, libertando e salvando vidas no nome de Jesus; correndo e trabalhando em tudo que for necessário para o benefício do que é de Deus.
Não permita que seus sentidos o façam cair no pensamento negativo. Creia hoje e sempre que você pode tudo no Senhor que o fortalece, porque n’Ele você pode tudo mesmo!

Link.: Folha Vida Hoje Edição 246

Titulo: Folha Vida Hoje Edição 246

Mês de fevereiro: Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246.

 Dezembro: Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246, Folha Vida Hoje Edição 246.

Você quer mudanças radicais?  Você quer encontrar  o mapa do tesouro? Eu  também quero. Quem não  quererá? Tem somente um senão: todo  tesouro, por mais valioso que seja, tem um peso, uma qualificação, uma avaliação,  um valor. O felizardo que o encontrar terá  dias avantajados, aqui neste Planeta, se  souber administrá-lo.

Mas…você quer, realmente, encontrar  o mapa verdadeiro do tesouro? Eu  também quero. Quem não quer? Todos  queremos! Então, é tão somente abrirmos  a Bíblia Sagrada, o Livro dos  livros, a  Palavra das palavras, a Mensagem das  mensagens, a Orientação das orientações,  a Direção das direções e vamos encontrar  o Caminho dos caminhos, o que leva,  de verdade, ao Tesouro.

Ahhhh!… Está  “achado” o Mapa do Tesouro!  Esse Mapa do Tesouro, a Bíblia Sagrada,  é o único Livro que traz respostas  a tudo e a todos. É absoluta. É a única  Verdade Absoluta. Ninguém é dono  da verdade em área alguma da vida,  em segmento nenhum, em cultura e  conhecimento algum. Tolo é aquele que se “sente” acreditando que sabe tudo.

Tolo é o que acredita que sozinho consegue  provocar mudanças em atitudes  enraizadas, mudanças na própria vida e  na do outro. O que se consegue sozinho  é nada ou quando muito… quase nada!  Vinte e três anos atrás, eu tinha o hábito de deixar aberta na sala, uma  “Bíbliona”! Muito grande!

Eu deduzia que  fosse encontrar um tesouro ali, dentro de uma ignorância espiritual incrível, mas eu tinha vontade de encontrar O Caminho, mas não sabia como. A página em que
eu deixava aberta chegava a amarelar! As vezes que tentei ler alguma coisa, achava muito difícil entender.

Eu buscava há muitos anos uma mudança na vida, afinal, com um marido constantemente alcoolizado e violento, quem não procura uma mudança! Embalde trabalhando  muito, o caos financeiro crescia a cada dia.

Eu precisava de uma mudança!  Portas se abriram, porém sem que  me mostrassem o mapa, o trajeto para  o Tesouro, até que um dia, fazendo uma caminhada, passei em frente a porta do
Ministério Mudança de Vida, na época, um salãozinho pequeno, com portas de ferro dessas sanfonadas de correr, e a bispa estava pregando. Eu entrei.

Naquele salãozinho encontrei o Mapa do Tesouro. Foi demais da conta! Nessa época, eu já tinha mudado de casa mil vezes e nessas andanças nem sei onde foi parar minha “bibliona”! Eu sei somente que a direção chegou a galope e a mudança começou a acontecer.

Fatores intrínsecos à natureza humana não permitem que se busque a mudança de vida conforme o Senhor quer para cada um: a vergonha, por exemplo, é um fator que impede o ser
humano de entrar numa igreja, procurar um pastor, aceitar ajuda.

Tempos atrás, diante da morte de um dos filhos ainda muito jovem, um, hoje, saudoso professor extremamente bem conceituado, apertando minha mão, disse-me: “Ele  pediu-me na agonia, Claudete, que eu o ensinasse a orar. Eu respondi que, ‘O papai não sabe orar, meu filho’.

E ele faleceu nos meus braços”. Disse-me o professor, que sempre teve vontade de ir a algum lugar buscar a Deus, mas que ele sempre se acanhou, tinha vergonha, pois conceituado que era,
o receio tomou conta do que poderiam pensar sendo visto buscando a Deus.

E concluiu que, sozinho, com todo galardão imposto pela sociedade e reconhecimento público do seu valor, ele não conseguiu tirar um filho das drogas que o fez morrer
de AIDS, não salvou a filha das desventuras da vida e não teve um matrimônio.

feliz, porque nunca conseguiu fazer sua esposa feliz. E o valor desse homem na sociedade era altíssimo! Muito amado, querido e não sei se, infeliz! Sempre calado e sempre atuante. Um exemplo! Ultra respeitado. E olhem a dor que ele trazia escondida: tinha vontade de aprender a orar e tinha vergonha.

confidenciou-me uma antiga colega de trabalho: “Eu gostaria muito de ir conhecer a Igreja, mas… aaaaaiiii, quando penso em entrar lá… quem me conhece o que vai pensar? Que estou precisando de ajuda! Eu preciso mas não vou. Não
vou dar minha cara a tapa”. O orgulho gritava alto! Alguns dias depois, numa noite, depois do culto, ela apareceu sorrateira na porta da igreja, olhos inchados de chorar, pediu oração, mas… não queria que ninguém a visse: “Tem como orar por mim em algum cantinho por aí?” Pois bem; vergonha, orgulho, soberba, ignorância, estupidez, insensatez, são fatores que impedem de buscar mudanças. E as mudanças fazem parte da vida de toda humanidade! Sem mudanças não existem acréscimos.

As mudanças fazem-nos renascer todos os dias. Em todos os dias temos algo para mudar. …mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus (Romanos 12.2).

Existem mudanças que vêm ao nosso encontro, sem querermos. Nunca são bem vindas e cabe a nós transformarmos, mas como? Existem as que queremos, desejamos, sonhamos, pretendemos e não sabemos também, como buscá-las. Pelo nosso olhar humano, elas aparecem como ilusões, quimeras, distantes de serem atingidas quando, em verdade, temos em nossa vida, não somente o Mapa do Tesouro, mas o Tesouro Inteiro para mudar tudo que desejamos e precisamos.

Vamos a um exemplo: dia 1º de dezembro, o Ministério Mudança de Vida inicia um propósito de oração muito forte, que vai até o último dia do mês, dia 31. É um mês com profunda intensificação de oração, de jejum, de clamores, oração na madrugada, muito foco, muita visão de mudanças em todos os âmbitos do nosso viver.

O propósito de fé é uma oportunidade e tanto para contemplarmos as transformações que desejamos e que tanto dizemos: “Ah! Eu queria tanto que o ano de 2020 começasse diferente!” Ele pode começar diferente sim. Depende de ação! Não leve para 2020 o que você não quer mais para sua vida! Entre em contato com o telefone que está neste jornal ou e-mail e pergunte onde tem perto de sua casa uma Igreja do Ministério Mudança de Vida e vá, sem orgulho, sem acanhamento, sem altivez. Muna-se de coragem, ousadia, supere complexos, problemas e vá.

Procure, que você vai achar não somente o Mapa, mas o Tesouro! Aquele que não tem preço e que você administrará aqui neste Planeta e que ainda, com certeza, presenteá-lo-á com uma vida eterna gloriosa, o Verdadeiro Tesouro!
De 1º a 31 de dezembro: “Propósito da Mudança” com um Reveillon de joelhos agradecendo a entrada do novo ano com alegria e muita felicidade por ter achado o Tesouro! P.S. Escreva para a redação. Dê opiniões sobre o jornal. Acrescente ideias. Juntos tornamos o mundo melhor. Receba a bênção de todos do Ministério Mudança de Vida, deste jornal também, com votos de um Feliz Natal e profundas e extensas mudanças para 2020!

Diariamente para todo o Brasil – Conheça o Ministério Mudança de Vida, acesse

Bispa Cléo Ribeiro Rossafa

  • ademais
  • afinal
  • aliás
  • analogamente
  • anteriormente
  • assim
  • certamente
  • conforme
  • a fim de
  • a fim de que
  • a menos que
  • a princípio
  • a saber
  • acima de tudo
  • ainda assim
  • não apenas … , como também …,  não só … , bem como …, não só … , como também …, não só … , mas também …

Palavras de fé, testemunhos e muitas informações. Leia on-line ou off-line, através do download.

246º edição || Edição nacional de março de 2021

Apenas uma coisa - Edição março de [2021] -

- Veja as últimas postagens -

2021: Ano das Bênçãos de José

Dia 14 de março, em todos os templos do Ministério Mudança de Vida. Encerramento do propósito de fé dos “Meus Projetos de Conquistas para 2021” com a unção nos carros.

Compartilhe nas redes sociais.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp